28 de jul de 2011

Para Luxa, Neymar poderá ser o melhor do mundo se for para Europa

Um dos primeiros a comandar Neymar depois que o atleta subiu para o time profissional do Santos, Vanderlei Luxemburgo acredita que o atacante alvinegro tem tudo para brilhar como Ronaldinho Gaúcho, principal nome do Flamengo. Mas, como o camisa 10 rubro-negro, o jovem santista teria de deixar o país para ser considerado um dos melhores do mundo.

- O Ronaldo já está com 31 anos, e o Neymar está no caminho certo, como ele fez, para ser o melhor do mundo. Mas ser melhor jogando no Brasil ou em qualquer outro lugar da América do Sul é complicado. Na Europa os caras elegem – afirmou.

Luxemburgo foi técnico de Neymar no fim de 2009. Na ocasião, o treinador chegou a colocar o atacante no banco de reservas por acreditar que o jogador ainda não estava preparado para enfrentar atletas mais experimentados. A todo instante Neymar era citado pelo treinador em suas coletivas de imprensa em Santos como “filé de borboleta”, pelo por físico mais franzino.

Mais encorpado e consagrado com o título da Libertadores com o Santos, Luxemburgo vê Neymar mais maduro. Mas não o suficiente para ser o astro da Seleção Brasileira, como o atleta chegou a ser apontado na disputa da Copa América, na Argentina.

- Não pode colocar uma responsabilidade nele como se fosse o principal. Ele vai ser o melhor do mundo, mas não se pode jogar essa carga nele na Seleção. Tem de deixar o talento aflorar. Se deixar o peso em cima dele vai ficar complicado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário